FRAGMENTO DO IMAGINÁRIO

Programa In Loco, Oficinas de fotografia

Salvador, 22 até 28 março de 2018

A terceira edição do Programa IN LOCO apresenta a oficina do destacado fotógrafo BAUER SÁ

In Loco, novo programa de oficinas de 15 horas do Instituto Casa da Photographia, tem como proposta trazer fotógrafos, dentro de suas áreas de atuação, para a realização de oficinas práticas em atividades associadas a manifestações populares.

Dividido em três etapas, o Programa In Loco conta com um momento inicial onde os participantes desenvolvem um diálogo com a obra e o método de trabalho do fotógrafo convidado, em diálogo com o seu próprio modo de ver. Não se trata de um curso tradicional, onde o a via do conhecimento se apresenta de maneira direcional, e sim de maneira coletiva, troca de conhecimentos.

Na segunda etapa, os alunos são conduzidos a uma imersão fotográfica in loco, com o acompanhamento do fotógrafo/instrutor. Neste momento, será realizada uma pesquisa visual baseada nas orientações proposta em sala de aula, no momento anterior.

Por fim, o grupo apresentará um portfólio editado do que foi produzido, que será objeto de uma leitura crítica conduzida pelo professor. Ao final os alunos serão certificados pela participação na oficina.

BSaX-6092

Programa da oficina FRAGMENTO DO IMAGINÁRIO

O workshop terá como foco o processo de criação do fotógrafo Bauer Sá que será demostrado no formato de uma pesquisa fotográfica sobre as pessoas e seus custumes no local da feira de São Joaquim, sendo estruturado em três etapas: elaboração inicial, na qual será desenvolvida a conceituação da proposta; execução em campo, que ocorrerá no dia da saida à feira; e edição e do ensaio fotográfico, último e fundamental momento do curso.

Parte 1

O fotógrafo mostrará alguns trabalhos por ele produzidos e explicará, passo a passo, como se deu a construção de algumas das imagens mostradas.

Nesta etapa, os participantes  receberão dicas importantes sobre como pensar e executar um processo fotografico baseado no retrato de pessoas anonimas.

Parte 2

Trabalho prático desenvolvido na Feira de Jão Joaquim, sob a coordenação do fotografo Bauer Sá. Cada participante produzirá uma serie fotográfica sobre o tema ligado ao local fotografado.

 Parte 3

Edição (escolha) das fotografias e criação de uma sequência-ensaio de cada participante.

bauer-sá

Sobre Bauer Sá [Fonte site museu Afro Brasil, 26.01.2018]

Nascido em Salvador em1950, por dez anos, Bauer Sá trabalhou com assistente do seu pai em Salvador. Dele falou o próprio Walter Firmo: “Fotógrafo. Filho de Xangô (Orixá do trovão e da justiça) e, na materialidade, filho do fotógrafo Armando Sá. Preto azulado, a lembrar a plumagem do pássaro mussum, naturalmente vitrificado pelo sol da Bahia.

Patrimônio vivo da fotografia autoral negra de Salvador, tem a pose e não se submete. Participou da equipe da BBC de Londres, fotografando um dos carnavais da cidade onde viveu e morreu o fotógrafo e cientista humanista francês Pierre Verger.

Atuou no livro americano Calalu, produzido por professores negros da Universidade da Virgínia, e expôs nas cidades de Los Angeles, São Francisco e Frankfurt. Celibatário, mata o seu tempo habitando espaços pelos quais ele tem paixão, como a ladeira do Pelourinho, a praia de Itapoã e a lagoa de Abaeté.

Seus dias são intensamente vividos em função da fotografia. Amorosamente e por meio dela, traduz as esperanças, mágoas, sua bronca, seu estresse, seus sentimentos”.

Bauer frequentou o curso de Técnicas Avançadas de Laboratório e Conservação de Filmes e Papeis da Funarte de Rio de Janeiro (1983-85). Além disso, por dez anos, trabalhou com fotógrafo e chefe do Setor Fotográfico do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia durante os anos de 1982-92, tendo, durante esse período trabalhado em diversos projetos que demarcaram sua carreira.

Desde a década de 80 Bauer Sá vem participado de inúmeras exposições coletivas no Brasil e no exterior. Hoje em dia ele trabalha na área comercial e também participa de diversos projetos editoriais. Participou de inúmeras exposições tais como Salão Nacional de Arte Contemporânea de Belo Horizonte (17. : 1985 : Belo Horizonte, MG); Retratos Quase Inocentes (1993 : Niterói, RJ); Os Herdeiros da Noite: fragmentos do imaginário (1994 : Brasília, DF) A hidden view: images of Bahia, Brazil (1994 : Londres, Reino Unido);Novas Travessias: New Directions in Brazilian Photography (1996 : Londres, Inglaterra); A Arte Contemporânea da Gravura (1997 : Curitiba, PR), Brasil + 500 Mostra do Redescobrimento. Negro de Corpo e Alma (2000 : Rio de Janeiro, RJ);A Coleção Pirelli/MASP de Fotografia (18. : 2010 : São Paulo, SP), entre outras.

MoçaAubina

Programa in loco Fragmento do imaginário, com Bauer Sá

Programa da oficina

Quinta-feira dia 22.03 e sexta-feira dia 23.03, das 19 até as 21h30, apresentação de fotografias e estudo sobre método do trabalho de Bauer Sá;

Sábado dia 24.03 [Feira de São Joaquim], das 07 até as 10hs: aula de campo – in loco;

Terça e quarta-feira dias 27 e 28.03, das 19 até as 21h30: avaliação do material produzido por cada participante da oficina.

Apenas 12 vagas,

Investimento: R$ 500,00 a vista ou R$ 550,00 em 2X no cartão

Entre em contato via WhatsApp 71.99929.9727 – Marcelo Reis

Realização: Insituto Casa da Photographia, desde 1997

http://www.casadaphotographia.org

Endereço: Travessa Basílio de Magalhães, nº 19 A, Sala 04, 1º andar, Rio Vermelho

Anúncios